Sobre camisas e patrocínios

Rapidinho, apenas para comentar o comentário do Vinícius Taques:

Companheiro... Seria um erro grotesco? Sabe aquela do Guaraná Antártica que o Maradona canta o hino do Brasil? Pois então. Não vi que você comentou nada disso, mas repare nela que na hora que passa o Ronaldinho cantando o hino, o tal está com a camisa novissima do Brasil, em seguida, Kaká, mas com a camisa ANTIGA do Brasil, e logo Maradona, ja com a camisa semelhante a de Ronaldo, a nova. Seria isso um erro grotesco e descomunal que a empresa responsavel não viu?

Vinícius, eu e muitos outros perceberam isso. Mas não foi erro, não. A razão é simples: ambos são garotos-propaganda da Ambev (inclusive o blog do camisa oito parece uma latinha de guaraná). Mas Kaká é patrocinado pela Adidas, e o Ronaldo, pela Nike. Veja essa nota do Bluebus, inclusive com outros cururus com a mesma dúvida.

E agora vamos ver o jogo! :-)

Atualizado: a foto ao lado é da Avenida Paulista, às 15h30. Vai ter muita gente longe da TV…

André Marmota acredita em um futuro com blogs atualizados, livros impressos, videolocadoras, amores sinceros, entre outros anacronismos. Quer saber mais?

Leia outros posts em Alô Marmota. Permalink

Comentários em blogs: ainda existem? (3)

  1. Robinho por Ronaldo
    Mineiro por Emerson.

    Valeu pela atencao camarada!

    Ontem alias foi veiculada a nova propaganda do Guarana Antartica, peguei pela metade, mas o que vi foi o Ronaldo e o Kaka saindo de dentro de um caminhao, este tal, dentro de um estadio de futebol.
    O esquema da camisas permanece. Diferentes.

    Realmente eh questao de patrocinio….mas custava a eles trocar Ronaldo ou Kaka por outro jogador de mesmo “nivel comercial” para usarem a mesma camisa ? Sei la.

    Abracos!

  2. Uma boa elucidação.
    Eu tinha sacado o lance das camisas diferetes, mas não dei importância.
    Entendo de propaganda como entendo de futebol, e de cirurgia no cerebro. rsss

Vai comentar ou ficar apenas olhando?

Campos com * são obrigatórios. Relaxe: não vou montar um mailing com seus dados para vender na Praça da República.


*