Lorem ipsum dolor sit amet

Lorem ipsum dolor sit amet consectetur adipisicing elit sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Ut enim ad minim veniam quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Excepteur sint occaecat cupidatat non proident sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.

Entendeu? Não? Tudo bem. A idéia era mostrar como é fácil “encher linguiça” usando lorem ipsum – uma expressão latina que, traduzida ao pé da letra, não tem sentido algum. Mas há tempos é usada como texto fictício na indústria gráfica – certamente você já viu essas palavrinhas em alguma publicação “fake” – os chamados pangramas.

A idéia foi de um impressor desconhecido, que usou trechos picotados de uma obra de Cícero (De Finibus Bonorum et Malorum – Os Extremos do Bem e do Mal), uma teoria sobre ética escrita em 45 a.C., para testar tipos. Isso foi no Século XVI. A frase do livro que deu origem a expressão é: “Neque porro quisquam est qui dolorem ipsum quia dolor sit amet, consectetur, adipisci velit” – não há quem ame a dor por si mesma, que a procure, que a queira sentir apenas porque é dor.

O trecho impresso nos idos de 1500 era exatamente o que desmembrei nas primeiras linhas acima:

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.

Curiosamente, o lorem ipsum resistiu bravamente aos últimos 500 anos – alguns programas de editoração eletrônica possuem geradores randômicos de lorem ipsum – semelhantes ao deste site, que traz mais explicações sobre a expressão latina.

Além de preencher retrancas para testar fontes, o lorem ipsum acaba de se mostrar excelente para momentos como esse, quando falta tempo para escrever sobre os assuntos que eu realmente gostaria.

(Postado em 28/02/2005)

Comentários em blogs: ainda existem? (2)

  1. Sem falar que você pode publicar e republicar esse texto sempre que estiver em situação de não ter como escrever sobre os assuntos que realmente gostaria.

Vai comentar ou ficar apenas olhando?

Campos com * são obrigatórios. Relaxe: não vou montar um mailing com seus dados para vender na Praça da República.


*