Eu não sei dançar

Estamos num imenso baile, onde moças e rapazes se entreolham e convidam para dançar. Seja na pista, ao lado de todos os casais, ou mesmo num canto, espécie de festa particular. Todos preferem curtir aquele som descontraído, capaz de extrair o melhor da alma dos dançarinos. O clímax vem com a música romântica, passos curtos e rosto colado.

O descoordenado aqui espera o melhor momento para chacoalhar. Mas o DJ parece adivinhar o momento em que saio da mesa. Aumenta o volume e põe pra tocar a melancólica Não Sei Dançar, na voz de Marina Lima.

Às vezes eu quero chorar
Mas o dia nasce e eu esqueço

Meus olhos se escondem
Onde explodem paixões
E tudo que eu posso te dar
É solidão com vista pro mar
Ou outra coisa prá lembrar

Às vezes eu quero demais
E eu nunca sei se eu mereço

Os quartos escuros pulsam
E pedem por nós
E tudo que eu posso te dar
É solidão com vista pro mar
Ou outra coisa prá lembrar

Se você quiser eu posso tentar mas
Eu não sei dançar
Tão devagar prá te acompanhar…
Prá te acompanhar

Ainda não consegui avaliar se é mais difícil ouvir ou cantar.

Comentários em blogs: ainda existem? (11)

  1. Essa música dói o coração…Mas acho que cantar faz com que a gente consiga ouvir melhor…Não acha?

    Beijinho pra vc querido!

  2. Com esse pé também, você não consegue dançar! :P
    Mas mesmo com meu pé bom, eu não sei, se te serve de consolo.

  3. Pois é, se ao invés de ser professora de Literatura eu fosse professora de Dança, eu resolveria esse teu probleminha fácil, fácil… ah, vai, essa foi só pra descontrair… ;) Falando sério, como o Rei, é bom saber que ainda existe entrelinha nos textos de hoje… nos seus… acredite, isso os torna (os textos) mais ricos.
    Pra completar, não deixe de escutar a versão dessa música com o Milton Nascimento, afinal, se Deus falasse, falaria com a voz de Milton – palavras de Elis Regina, gaúcha como os seus.

  4. Eu também não sei, amigo. Eu também não sei… Mas se serve de consolo, a Sil também não sabe! ;-)

    Abraços!

  5. Nem vem, nem vem. Soube, por aí que você até andou dançando valsas em formaturas. Nem vem com essa de “não sei dançar”…
    Beijos e “pébomlogo”.

  6. ..a propósito…
    percebo que o Senhor anda reproduzindo textos prontos… Viu só o que dá ter um pé bom? desestimulo a atividade intelectual…rs.
    Bjs

Vai comentar ou ficar apenas olhando?

Campos com * são obrigatórios. Relaxe: não vou montar um mailing com seus dados para vender na Praça da República.


*