Um pouco da festa espanhola via web

Como um país recém-campeão mundial foi dormir (ou não) esta noite? Que tal aproveitarmos a comemoração da Fúria e observarmos alguns dos mais populares sites de notícia da Espanha?

De uma forma geral, todos os sites espanhóis estão conectados a redes como Twitter e Facebook, permitindo uma “celebração coletiva” em vários espaços. Além da taça e das repercussões dos vestiários, destaque ainda para outras duas informações que devem render bons cliques: Jimmy Jump, o espanhol que tentou agarrar a taça antes do jogo, e Sara Carbonero, que ganhou um beijo de Casillas enquanto o entrevistava, ao vivo.

Assim como seria no Brasil (os espanhóis encaram o futebol com paixão semelhante a nossa), seria previsível uma abordagem diferenciada – ainda mais por se tratar do primeiro título. Mas dá pra perceber que a home do La Vanguardia (jornal da Catalunha) ou da TVE, apesar do destaque ao título, não fizeram nenhuma modificação em sua estrutura.

Versão da home do La Vanguardia em JPG (800 px)

Versão da home da TVE em JPG (800 px)

O El Mundo, site de notícias mais acessado da Espanha, fez o que boa parte dos sites costumam deixar preparados em dias de grandes eventos: uma foto “estourada”, ocupando toda a tela. Além disso, é possível visualizar um box com a narração de momento da festa nas ruas (como se fosse um “miniblog”), atualizado pelos repórteres com breves relatos e fotos do celular.

Versão da home do El Mundo em JPG (800 px)

A identidade do El País adotou as cores da bandeira espanhola, e além do placar pós-narração e do vídeo com o gol de Iniesta, o site convida seus leitores de todo o mundo para contar como anda a festa. No espaço da “fotona” temos uma galeria de fotos com grandes momentos da decisão. Outro detalhe: o fac-símile da capa do jornal impresso desta segunda-feira. Além de demonstrar agilidade, é como se estivesse convidando o leitor a comprar e guardar esta edição histórica.

Outro que também pegou emprestado o vermelho e o amarelo é o 20 Minutos, que sempre me chamou a atenção – não apenas pela ousadia na hierarquização dos conteúdos, como também a quantidade de comentários em todas as suas notas.

Versão da home do El País em JPG (800 px)

Versão da home do 20 Minutos em JPG (800 px)

Vamos aos dois sites esportivos mais conhecidos. Tanto o Marca quanto o As usaram a mesma palavra e muitas exclamações: ¡¡¡campeones!!!. No As encontramos a “fotona rotativa”, como no El País. O Marca – que, é bom lembrar, bolou o calendário mais bacana entre os sites – disponibiliza o perfil dos 23 campeões já em uma barra horizontal acima da “fotona”. Em uma de suas fotogalerias, a repercussão da imprensa mundial.

Versão da home do As em JPG (800 px)

Versão da home do Marca em JPG (800 px)

Deixei o mais legal para o fim. No La Informacion, um dos sites que cuidam melhor dos aspectos visuais, uma das imagens da “fotona rotativa” lembra bem uma capa de revista. E antes de exibir a home completa, o Público exibe um slideshow, uma manchete e uma chamada: “Un gol de Iniesta en la prórroga contra Holanda encumbra a España como la mejor selección de mundo. El fútbol hace justicia con la Roja”. Melhor destaque, impossível.

Versão da home do La Informacion em JPG (800 px)

Versão do slideshow do Público em JPG (800 px)

Versão da home do Público em JPG (800 px)

De lambuja, dois arquivos para a posteridade: o áudio da narração com o gol de Iniesta, pinçado da Rádio Marca; e um sensacional infográfico do La Informacion, mostrando como a Espanha e outras sete seleções favoritas atuaram em suas partidas neste Mundial.

André Marmota pode perder um grande amor, um amigo de longa data ou uma oportunidade de trabalho... Mas não perde a piada infame. Quer saber mais?

Leia outros posts em Marmota na Copa. Permalink

Comentários em blogs: ainda existem? (2)

Vai comentar ou ficar apenas olhando?

Campos com * são obrigatórios. Relaxe: não vou montar um mailing com seus dados para vender na Praça da República.


*