Três dias de “Shutdown Day”

Primeiro, uma viagem bacana para Presidente Prudente. Tudo foi perfeito, exceto o fato de permanecer desconectado do mundo por dois dias inteiros. Para piorar, devo estar no ponto máximo do meu inferno astral: cheguei de viagem com vontade de chutar cada um dos incompetentes que me cercam.

Tamanho saco cheio do mundo me fizeram “antecipar” uma proposta interessantíssima.

No próximo sábado, dia 3 de maio, o mundo será convidado a passar um dia longe do computador. O Shutdown Day, campanha criada em Quebec (Canadá) e que conta com toda sorte de conteúdos elaborados e traduzidos por voluntários de todo o planeta, desafia você a ficar longe da Internet por 24 horas. O objetivo é pensar quanto estas conexões virtuais mexeu com nossas vidas, para o bem ou para o mal, e aproveitar um dia inteiro longe do monitor. Você consegue?

Pois tudo que eu precisava era chutar o balde e desconectar do mundo. Foi o que fiz aqui nos últimos dias, culminando com as desatualizações diárias deste espaço. Depois de 440 dias seguidos, desencanei completamente.

Devo dizer que foi muito relaxante. Se puder, faça o mesmo qualquer hora dessas: nem precisa ser no dia 3 de maio.

André Marmota dialoga muito com o passado, cria futuros inverossímeis e, atrapalhado, deixa passar algumas sutilezas do presente. Quer saber mais?

Leia outros posts em Curtas. Permalink

Comentários em blogs: ainda existem? (7)

  1. Belíssima idéia! Vou aderir amanhã, depois de 14 dias seguidos trabalhando, em média, 12 horas por dia.

    Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh!!!!

  2. Ah… acho que vou fazer isso no feriado inteiro. Aliás, tenho tido uns dias em que não conectei… em compensação, sábado passado fiquei o dia inteiro pulando de blog em blog… ai, ai…

Vai comentar ou ficar apenas olhando?

Campos com * são obrigatórios. Relaxe: não vou montar um mailing com seus dados para vender na Praça da República.


*