Quais cidades vão receber a Copa no Brasil?

Esse é o tipo de assunto que merece um “disclaimer”. Eu sei que o país precisa resolver uma série de coisas urgentemente. A começar pela educação de nossas crianças, para quem sabe formarmos políticos menos corruptos. Dá para listar centenas de necessidades, antes de pensarmos em receber uma Copa do Mundo.

Só que o nosso país, ao que tudo indica, terá o direito de hospedar a Fifa e seus patrocinadores durante um bom tempo durante 2014. A máquina de fazer dinheiro através do futebol ainda não tem outra opção. Quem sabe, até novembro, alguém queira ver como está sendo gerenciado os gastos com o Pan do Rio e decida mudar de idéia (é mais fácil acreditar que o Pan ou a Copa aqui vai ser legal, e é essa a aposta de quem insiste nisso).

Aqui termina o “disclaimer”. Agora vamos imaginar a Copa de 2014 em nosso país. E já começamos bem: a CBF fez um seminário, apresentando as necessidades para montar a festinha. Convidou a Fifa, a Rede Globo, governos federais e estaduais, além do indispensável Luciano Huck – como bem citou o Ubiratan Leal, lembrando ainda que, para um evento onde a base dos investimentos vem da iniciativa privada, nenhum empresário potencialmente interessado no Mundial foi chamado. Só o poder público (ai, meu dinheirinho…).

Enfim, os interessados em receber jogos da Copa receberam um documento no dia nove de maio, para serem entregues no dia 31 – isso mesmo, 20 dias para responder questões sobre experiência em receber grandes eventos, além de contar quantas linhas de ônibus, trens, aeroportos, leitos hospitalares, quartos de hotel, policiais, pontos turísticos, árvores cortadas, graus celsius e milímetros de chuva existem no local. Ah, sim, tem que falar também sobre o estádio…

Dá para comparar? – Quando a Alemanha foi escolhida (de forma mandraque) a sede do Mundial de 2006, em julho de 2000, pelo menos 20 cidades postularam sua candidatura. Entre elas Dusseldorf, que havia recebido partidas da Copa de 74 e conta com a moderna LTU Arena. Foi preterida por outras duas candidatas de peso no Vale do Ruhr: Dortmund e Gelsenkirchen. Outras cidades com tradição futebolística (e seus estádios) foram descartadas, como Bremen (Weserstadion), Mönchengladbach (Borussia-Park), Bochum (Ruhrstadion), Leverkusen (BayArena) e Duisburgo (MSV Arena).

Mas a Alemanha é uma exceção. Quaisquer que fossem as doze sedes, não haveriam muitos problemas com segurança, saúde, infra-estrutura e transporte – imagine circular num país do tamanho do Maranhão. Na África do Sul (que é pouco maior que o Amazonas) não houve muita opção: dez estádios de nove cidades (dois serão em Johanesburgo) foram selecionados entre treze possíveis. Cinco estádios serão construídos e outros cinco reformados – os gastos superam a casa de US$ 1 bilhão.

Pessoalmente, não consigo imaginar apenas dez cidades-sede no Brasil e um esquema de revezamento similar ao da última Copa. Imagine se a seleção brasileira jogar a primeira fase, hipoteticamente, no Rio, em Porto Alegre e em Manaus. E a concentração das delegações? E o deslocamento de torcedores em um verdadeiro país continente? Vai ser uma zona.

Uma forma, digamos, organizada de se fazer uma Copa aqui, seguiria o exemplo da Copa da Itália, em 90. Cada grupo tinha duas cidades fixas – o do Brasil, por exemplo, era Turim e Gênova; o da Argentina, Nápoli e Bari; o da Itália, Roma e Florença; e o da campeã Alemanha, Milão e Bolonha…

No Brasil, então, seriam 16 cidades, sem exigir muito das sedes e atendendo plenamente as necessidades políticas dos maiores interessados. Então o grupo da Argentina jogaria em Porto alegre e Florianópolis; o da Alemanha, em Curitiba e Belo Horizonte; a Itália em Recife e Salvador; a França em Belém e Manaus; e o Brasil em São Paulo e Rio de Janeiro… Daria certo?

Enfim, essa pergunta pode ficar sem resposta. A CBF já avisou: a quantidade de sedes vai ficar entre 10 e 14.

E os seus palpites? – Não resisti a tentação e fiz aqui um exercício absolutamente subjetiva a respeito das candidatas. Está em ordem de preferência – e para aumentar o meu poder de acerto, dividi os 21 projetos em três grupos. Vamos lá:

Grupo 1: com certeza

Rio de Janeiro (RJ) – Ninguém conseguiria conceber a Cidade Maravilhosa (entenda-se Maracanã) de fora da Copa, ainda que o histórico do Pan deixe a cidade com aquele ar de “duvido que alguma reforma vai ser feita”. Se bem que isso vale para todas as outras…

São Paulo (SP) – O Tricolor Paulista garantiu que vai investir uma boa grana reformando o estádio do Morumbi: vão em frente, assim serão alguns anos sem taça. Até lá, espera-se ainda que a linha quatro (a do buraco) chegue até os arredores do Cícero Pompeu de Toledo.

Curitiba (PR) – Há uma unanimidade, que só não existe nas intermináveis brigas entre o Atlético Paranaense e a federação estadual: a Arena da Baixada. Talvez seja o estádio que menos precise de investimentos para se adequar às normas da Fifa.

Belo Horizonte (MG) – Da mesma forma que o Maracanã, é difícil não imaginar uma Copa sem o Mineirão. Mas apesar de ficar em uma área privilegiada da cidade, na Pampulha, o Magalhães Pinto depende de uma bela reforma.

Porto Alegre (RS) – O Grêmio quer fazer um novo estádio, mas… Já viram o audacioso projeto para o Parque Gigante? Ficaria sensacional. Deixo até os são-paulinos usarem a mesma frase: “vão em frente, sernao alguns anos na Segundona”.

Brasília (DF) – É difícil não imaginar a Capital Federal de fora – o próprio Ricardo Teixeira já disse isso. A questão é que o Mané Garrincha apresenta as mesmas características do restante da cidade, inaugurada em 1960: em quase cinquenta anos, tudo envelheceu e parece que ninguém cuidou.

Salvador (BA) – Entre os concorrentes do Nordeste, a capital da Bahia nada de braçada. A cidade acostumada a receber turistas o ano todo (especialmente no Carnaval) só tem um problema: a velha Fonte Nova, cujo visual, ao menos de fora, dá uma tristeza muito grande.

Grupo 2: por que não?

Recife (PE) – É a segunda força entre as candidatas do Nordeste, apesar de não ter nenhum estádio que se salve, mesmo passando por alguma reforma. A proposta é construir uma nova arena no caminho para Olinda – outro belo trunfo pernambucano.

Belém (PA) – Das cidades da região Norte, é a favorita. Além do potencial turístico, o Mangueirão – que já recebeu jogos da seleção – só precisa de uma guaribada, além das reformas do lado de fora.

Goiânia (GO) – A força de Goiânia está no Serra Dourada – que apesar da estrutura defasada (problema similar a muitos outros estádios) é bem localizada. De qualquer forma, aqui começa a “briga” pelas últimas vagas na brincadeira…

Florianópolis (SC) – A ilha de Santa Catarina é atrativo suficientemente forte para entusiasmar qualquer turista. O projeto de reforma do Orlando Scarpelli também ajuda, mas Floripa tem concorrentes fortes no sul do país.

Fortaleza (CE) – Também tem potencial turístico bem grande, além de um estádio que depende de boas reformas – o Castelão. Com Salvador e Recife como fortes candidatos, talvez Fortaleza tenha que se preocupar com…

Maceió (AL) – A capital alagoana tem um estádio reformado há pouco tempo, o Rei Pelé. Caso a CBF opte por quatro cidades nordestinas, as escolhas óbvias terminam aqui.

Manaus (AM) – Talvez eu esteja subestimando a força da Amazônia, além do potencial do estádio Vivaldão… Vamos dizer então que Manaus é a última entre as 14 cidades que podem virar sede da Copa que muita gente não quer.

Grupo 3: Vai ser difícil…

Cuiabá (MT) – Não me surpreenderia se a capital matogrossense superasse qualquer uma das 14 cidades acima, pela força do Pantanal. Tudo depende ainda da reforma do estádio José Fragelli, o Verdão. De repente…

Campo Grande (MS) – É o mesmo caso de Cuiabá: fica perto de Bonito e do Pantanal, e precisa reformar seu maior estádio, o Pedro Pedrossian (Morenão).

Natal (RN) – É uma das mais bonitas cidades do Nordeste, mas teria que construir um estádio totalmente novo. É mais uma capital nordestina para brigar com as quatro favoritas, além de…

João Pessoa (PB) – Capital tranquila e arborizada, mas que também teria que apresentar uma arena bem mais interessante que o velho Almeidão.

Campinas (SP) – Estranhamente, a cidade do único campeão brasileiro do interior aparece na lista da CBF, ao invés de Barueri – que acaba de inaugurar um moderno estádio. Mas enfim, nenhum deles tem chance com a capital paulista.

Teresina (PI) – Nada contra o Piaui e sua capital, mas a cidade terá adversários bem mais fortes na região nordeste…

Rio Branco (AC) – Assim como a capital do Acre conta com outros rivais de peso na região norte – se bem que seria muito interessante acompanhar a um jogo na ainda acanhada Arena da Floresta.

Como atualmente nenhum dos 21 candidatos teria capacidade de receber jogos de uma Copa, quais critérios vão ser usados para fechar o grupo de 18 pré-selecionadas, em 31 de julho, e o anúncio oficial, em julho de 2008 – caso o Brasil seja realmente confirmado? Ora, mas quem acredita em critérios nesse país?

Comentários em blogs: ainda existem? (64)

  1. Opinião de quem vive ‘dentro’ de uma das possíveis sedes: a possibilidade de Curitiba ficar fora é enorme. Fora todo marketing em torno da Arena, na real mesmo, ela cumpre poucas exigências. A localização é, provavelmente, sua maior algoz.
    Não há possibilidade de construir estacionamentos (a não ser com uma intervenção pouco provável do poder público) e existe uma idéia bizarra de usar os dos shoppings, levando os torcedores e ônibus até a Baixada. O estádio tem pontos cegos e parte do grama está sempre ruim por causa do Sol que não bate. Além disso, está próxima a avenidas de movimento pesado, que ficariam caóticas em dia de jogo. Fora a história de estádio de uma só torcida que, neste caso, conta. Acho q Floripa e Porto Alegre ficam com as vagas do Sul.

  2. Eu só tiraria o Recife do grupo 2 e colocaria no grupo 1… O resto eu concordo.

    Aqui em Recife vai ser levantado um novo estádio, para 45 mil pessoas, numa imensa área bem no limite entre Recife e Olinda, com um acesso excelente e todo um sistema de transporte. O governo do Estado prometeu entrar na parada da construção, e acredito que seja muito melhor do que reformar qualquer estádio já existente. Teríamos um estádio novo, de primeiro mundo, prontinho para qualquer evento.

    Nessa, Recife já tá dentro! :D

  3. Fala, André!
    Cara, gostei muito desse post… olhando pelo lado “torcedor”, realmente algumas cidades não podem ficar de fora…
    Quanto ao Rio, pois eu moro bem próximo, posso dizer que o Maraca está quase pronto para as exigências da Fifa, e tem também o Engenhão, que está sendo construído para o Pan (se bem que a localização deixa a desejar, assim como São Januário e o próprio Maraca, por que não?).
    Tem também um projeto para construção de um estádio na região do Gasômetro, (45 mil lugares), próximo ao Porto e ao lado da Rodoviária Novo Rio… mas o trânsito lá também costuma ser caótico…
    Vendo o comentário do Fagundes, acima, me informei sobre os problemas da Kyocera Arena, que eu achava ser o melhor estádio do Brasil… nem a Arena está fora dos problemas, hein?
    Bom, deixa eu ficar por aqui…

    Abraço!

  4. O problema principal de Brasília é o sistema de transporte público, que é muito ruim. O atual governador do DF tem mostrado esforço em sanar essa deficiência: já há projetos de um sistema integrado de transportes, utilizando metrô, corredores exclusivos de ônibus e VLT, nos moldes do que existe em Bogotá, na Colômbia. Tirando isso, a circulação em Brasília é facilitada pelas avenidas largas e pelos amplos espaços vazios, que podem se transformar em estacionamentos ou construções que sirvam de apoio ao evento.

  5. Bem, a Copa de 1994 foi feita numa área geográfica maior. A Argentina teve que percorrer quase TRÊS mil quilômetros entre Boston e Dallas na primeira fase. Claro que a estrutura de transportes dos EUA é bem melhor, tanto rodoviariamente falando quanto por avião.

    E você não se esqueceu de cidades do interior que não são capitais? Afinal, São José do Rio Preto, Uberlândia e Londrina tem estruturas de transporte boas em relação a cidades como Rio Branco e Manaus.

  6. Na região norte Belém é a melhor para receber jogos da copa.
    Além de ter o melhor estádio da região (e é Olimpico mas conhecido como Mangueirão)a localização da cidade e pirivilegiada,é a porta da Amazônia e tem a BR – Belém-Brasília a BR 316 que liga Belém ao Nordeste.
    As outras cidades como Manaus,Macapá por exemplo,são de muito difícil acesso só indo de barco ou avião.

  7. Politicamente para a CBF quanto mais sedes melhor. Eu acredito em doze.
    Rio, são paulo, Belô, Recife, Brasília – garantidos.

    Grandes chances para Porto alegre, curitiba e Floripa.

    No moomento só Rio é capaz de sediar jogos da Fifa.

    O Governo do Estado reformou praticamente tudo no Maracanã.

    A Prefeitura do Rio construiu um estádio de primeiro mundo.

    Nas outras possíveis sedes falta tudo. Começando pelo estádio e passando pelo grande problema do transporte público no Brasil.
    O Engenhão tem uma estação de trem com cinco plataformas e a localização favorável.
    O Maracanã nem se compara. Além da tradição, tamanho e localização, ele ficou muito moderno. Sem contar que o Maracanã conta com uma estação de metrô com rampa em frente ao seu portão e o mesmo acontecendo com a estação de trem.

    O Morumbi por exemplo não conta com metrô, trem, o transporte público é deficitário e não existe estacionamento suficientes ao redor do estádio.
    O Mineirão pode passar por uma modernização como o Maracanã. Mas podem esquecer o estacionamento em volta do estádio, porque numa copa estacionamento aberto como o dele e de livre circulação é vetado.

    Estados como Alagoas dependem do governo federal para o primeiro tijolo. O Acre nem se fala. 80% da receita do Estado é repasse da União.

  8. Manaus com certeza deve ser escolhida na regiao norte.As outras concorrentes nao tem as minimas condicoes para sediar jogos de uma copa, vejamos; Rio Branco nao tem infra-estrutura alguma e o projeto para o estadio nao e muito bom. Ja Belem tem condicoes um pouco melhores que Rio Branco, por ter o estadio do Mangueirao, que e um excelente estadio.Porem a cidade tambem sofre com problemas de infra-estrutura, a rede hoteleira e muita fraca, nao ha nenhum hotel de qualidade e a cidade tem aspecto sujo. Vale lembrar tambem o problema da seguranca, ja que os paraenses sao nacionalmente reconhecidos como ladroes e criminosos. Por ter um ambicioso projeto para seu estadio e uma boa rede hoteleira, Manaus com certeza sera escolhida!

  9. Acho que as unicas cidades que tem condições de sediar os jogos, sao do sudeste, sul e nordeste,do norte só Belém.
    Mesmo assim poucas chances, condições
    do sudeste, Sao Paulo, Rio e Belo Horizonte.
    Do nordeste, Salvador, Recife e Fortaleza.
    E do sul, Porto Alegre,Floripa e Curitiba.

    Salvador, tem grandes Chances sim , tem um estádio grande, mais velho só é fazer uma boa reforma e terá um ôtimo
    estádio, Fonte Nova deveria ser mais bem cuidado. valéu claro que a 3ª maior cidade do Brasil tem chances.

  10. Não tenho dúvidas que Belém será escolhida com cidade-sede para a Copa do Mundo, pois além do belíssimo estádio que possui (necessitando apenas de pequenos ajustes), o povo é apaixonado por futebol, possui um cultura riquíssima, além de ser extremamente acolhedor, o que garantirá uma linda festa, assim como em feito nos estádios.

    Na oportunidade, solicito que o comentário de julio lima, Sábado, 7 de Julho de 2007, 1h45, seja retirado, pois é prova de um sentimento discriminatório e revanchista que uma parcela da população de Manaus tem pelo povo pararaense – o que não é recíproco.

  11. Goiânia con certeza será sede da Copa de 2014. O Serra Dourada tem o melhor gramado do Brasil e um dos melhores estádios, além da cidade ser linda, e outra vantagem: como o próprio Ricardo Teixeira disse, a proximidade da capital goiana com a capital federal ajuda, assim como aconteceu na Alemanha. As cidades da Copa serão: Goiânia, Brasília, Curitiba, Porto Alegre, Salvador, Recife, Belém, Belo Horizonte, São Paulo e Rio de Janeiro.

  12. Natal (cidade dos sonhos) com o maior aquario do Nordeste, e segundo do país com pinguins, focas e outras tantas especies marinhas; Natal (Cidade espacial Brasileira) pois é nessa terra abençoada por Deus, que está localizado o que foi o primeiro centro de lançamentos de foguetes e estudos espaciais (CLBI),a “Barreira do inferno”; Natal (Cidade das dunas) com o segundo maior parque urbano do país, o parque das dunas!!!; Natal (terra de adrenalina e aventuras inusitadas) como é o caso da sua famosa e badalada praia de Genipabú com dunas de até 120 metros de altura, onde os turistas podem fazer passeios de Buggy’s e Camelos (Dromedários), que nos lembra o deserto do Saara no Egito; Natal (terra inspiradora de grandes nomes) como é caso do famoso escritor Francês Antoine de Saint-Exupéry, que citou o pôr-do-sol da cidade no livro “Atlântico Sul”; Natal (Cidade estratégica) pois segundo dados do departamento de guerras Estadunidense, Natal é um dos quatro pontos mais estratégicos do planeta pela sua proximidade com Europa e áfrica, sendo localizada na esquina do continente sul-Americano; Natal (terra do Trampolim da vitória) pois foi palco da segunda guerra mundial, onde daqui eram abastecidos os aviões de guerra rumo à Europa. enfim, Natal é um verdadeiro “presente de natal!!!” e com todos esses títulos convidativos concerteza não irá fazer feio sendo assim, uma das escolhidas no nosso Brasil para receber os jogos da Copa do mundo de 2014. By: Carol Milleto

  13. estou idignado,porque voçês cham que joão pessoa não tem chanse de ser sede.minha capital tem chanse sim,o problema e discrinação com meu estado,aqui e muita mas seguro entermo de segurança o clima e agradavel somos ospitaleiros a cidade e linda e alen do mas,com serteza as enpresas privadas iram entra nessa junto com o poder publico,o estadio almeião estar presizando de uma bela reforma mesmo mas isso não nos inpede de ser uma das sedes.ex:o castelão em fortaleza hoje e um belo estadio presizando apenas de ums ajuste para se adequa as esigencias da fifa.assim sera com o almeidão.

  14. Sou Manauense, mas acredito que a cidade não leva essa. Trânsito caótico, malha viária deficitária, transporte público péssimo são um dos pontos contras. A seu favor tem a rede hoteleira, que é de longe a melhor do norte, alguma vontade política e o projeto do novo vivaldão. Vamos ver o que virá.

  15. Tem gente que fala sem conhecer…seria muito bom que o autor dos comentários sobre as cidades conhecesse Natal antes de falar. Amiguinho você está falando da cidade maelhor estruturada no norte e nordeste, principalmente em termos de hotéis, restaurantes, bares, área de lazer, etc.
    Você já ouviu falar em esádio ecologico? pois é, Natal vai construir um em area de 80 he, sendo 40 de área de estadio, estacionamento, parques, praças de aliemtação, etc. e os 40 restantes área de peresrvação de mata atlantica.

    Natal também terá o maior concominio de luxo de mundo sabia??? 30.000 casas com campo de golfe, restaurantes, etc. Seus proprietários são o Grupo Sanchez da Espanha, Ronaldo Nazário e Antonio Banderas…vc, pobre anônimo, sabia de tudo escrito aí em cima??? com certeza não né…você sabia que o maior lixão do Brasil São Rio, São Paulo, Recife, Manaus e Belém. Eu conheço todas e se fosse usado bom senso elas estariam de fora pois são sujas, violentas e sem estrutura de transporte. Seria bom escrever para alguém que tivesse bom senso…viaje pelo Brasil e lance seus comentários fundamentados em fatos reais…

  16. Fortaleza e Natal – Preferência Nacional pelos turistas. Ambas as cidades são limpas, a violência não é tão alastrante como Rio, Recife e São Paulo. Fortaleza possui o estádio Castelão com capacidade para 60000 pessoas. Lembro que o estádio castelão encontra-se em boas condições. Catracas eletrônicas, Camarotes com Ar condicionado, banheiros e um bom acesso.
    A rede hoteleira de Fortaleza e Natal é muito bem preparada e ambas as cidades tem capacidade para receber jogos da copa.

  17. Acredito que Belém será umas das sedes. Vejamos. o estádio Mangueirão tem capacidade para 45.000 espectadores todos sentados e cobertos. A cultura paraense é riquissima, bem como a culinária, fora a paixão do povo paraense por futebol. Os pontos fracos são o transporte e a rede hoteleira que precisam de investimentos pesados. Agora vai um recadinho pro amigo Júlio Lima, manauense que chamou os paraenses de ladrões. Como tú me explica que essas fabricas aí da zona franca de vocês dão preferencia pros trabalhadores ladrões(paraenses) na hora de contratar. hein?

  18. Da região Norte a pesar de Belém ter sim um grandioso estádio olimpico, não tem condições de disputar a uma chave com Manaus, a capital amazonense é a 4º maior econômia do país é uma e é a maior da região Norte, sem falar que a cidade tem toda uma infra-estrutura hoteleira e todo um potêncial ecologico e turistico, sendo Manaus uma das sedes o turista poderia desfrutar de todos os eventos de festivais que a cidade oferece como o festival de ópera ; jazz; de filme dentre outros!!! sem falar que ela possui umas das melhores vilas olimpicas do Brasil e o aeroporto mais seguro também.Então é evidente que o melhor potencialdo Note para sediar uma chave da copa é Manaus!.

  19. O estádio do Atlético Paranaense não serve para uma Copa do Mundo. Era o melhor do Brasil até a ineuguração do Engenhão, mas não atende os mínimos requisitos de segurança externa, área de estacionamento e colocação do campo.

    Se o clube tentar destruir a praça Afonso Botelho para transformá-la em estacionamento, comprará briga com as pessoas que vivem em volta, uma batalha jurídica que vai inviabilizar o estádio.

  20. A cidade de Natal se credenciou para a COPA 2014. Além da localização estratégica – proximidade com a Europa, América do Norte e a Africa – e de contar com uma das mais completas infra-estruturas turistica do país, o Rio Grande do Norte está apostando na construção de um novo estádio de futebol, com capacidade para 65.000 pessoas, para ser escolhida como uma das sedes, o projeto que ja foi entregue a confederação Brasileira de Futebol (CBF), foi avaliado por um consultor da entidade, Nilton Pezze,que veio conheçer o local onde o novo estádio deve ser construido em uma area de 82 hectares na região Metropolitana entre Natal e Parnamirim. O novo estádio deverá custar em torno de R$ 200.000.000 e poderá ser construido em parceria com a iniciativa privada, onde empresas Portuguesas ja demonstraram interesse. O Estádio atende a todas as recomendações da FIFA para realização de torneios internacionais e vai ser o primeiro ecologicamente correto do país, com 35% da area do terreno (cerca de 270.000 metros quadrados) destinada a uma area de preservação ambiental, o que seria o primeiro no Brasil e o segundo no mundo, na Alemanha à outro estádio com projetos ecologicos. O Estádio terá uma area construida de 50.000 metros quadrados, capacidade para 65.000 espectadores, estacionamento para mais de 12.000 veiculos, 12 portões de entrada, elevadores de acesso, uma estação de tratamento de esgotos, ampla area de preservação ambiental e reutilização de efluentes. O formato será o de uma ESTRELA de 6 pontas, uma homenagem feita pelo arquiteto Gley Karlys à um dos principais simbolos do Rio Grande do Norte, o Forte dos Reis Magos.

  21. Belem do Para e a cidade que mais reune condições de sediar a copa do mundo de todas as cidades.Possui um belo estadio, tem sediado competições importantes,tem uma cultura riquíssima. Tem historia pra contar, povo trabalhador que anda com suas proprias pernas, não precisa de zona franca. É o portal da Amazônia. Tem expressão nacional nas artes , musica e literatura. Como DIZEM os intelectuais é o ultimo posto de vida inteligente ao norte do Brasil. Não temos concorrentes.

  22. É triste vê como as cidades brasileiras estão cheias de problemas,e como diz o ditado então e melhor falar dos outros. Sou de Belém, a cidade tem problemas sim, mas tem condições de resolve-los, pois sabemos que tem cidades candidatas no norte que não tem nem cinco pontos turisticos na cidade, belém ao contrário conta com mais de vinte, e aliás nunca precisou de ajuda de goveno nenhum para atingir a marca de 2 milhoes de habitantes ao contrarios de outros.marcio nobre-Belém Para

  23. fortaleza tem que ser pois é uma cidade bastante visitada e alem disso o castelão é um estadio que da pra melhorar até la!!!´pra mim tem que ser no nordeste fortaleza,recife e salvador

  24. joao pessoa deve sim ser a cidade para o jogos de 2014 porque elen de ser uma cidade linda tambem o almedão foi esquecido mas q pode ser relembrado por todos de joao pessoa a ultima vez q em joao pessoa teve o jogo do brasil foi em 1985 e depois ninguem mas ouvio falar nada por isso q estamos aqui para fazer q nossa cidade seja a escolhida para a copa de 2014 joao pessoa seja o que deus quizer…..boa sorte almedão…ass:amanda souza:bairro:do roger………

  25. Belém deve ser sede pois possui belas praças e praias vários pontos turisticos reformados e o melhor aeroporto do norte do país de longe e só vim e conferir é uma metropole com area metropolitana mais de 2 milhoes de habitantes e nunca precisou de zona franca para crescer, ou seja não é uma ilha economica dependende do capital estrangeiro.Bélem tem seus próprios ritimos e cultura e culinária proprias nada importado de niguém.Julio lima conheço muito bem sua cidade, pois já morei lá. os canais da cachoerinha são fétidos e tem aspecto de sujo so para citar um dos canais da cidade e o transporte público e o pior do brasil de longe…niguém merece o terminal 3 as seis horas da tarde as pessoas se penduram feito animais e os terminais são sujos por isso primeiro olhe para si para poder falar dos outros

  26. Precisamos de trens modernos chegando e saindo dos estadios ligando-os aos aeroportos (que precisamos novos, ou reformas dificeis); estradas e telecomunicacoes de primeira linha. Ficar com comentarios do tipo “ah a cidade tal vai ser boa porque o povo e acolhedor, a comida e boa, bla,lba..” BRINCADEIRA?

  27. Nossa!!é uma cidade tentando derrubar a outra,principalmente’belém e manaus’…cara que isso?rss
    pow devemos ver o projeto que cada uma vai apresentar…se vai ser bom ou não…quem decidirá é a Fifa…então é esperar e vamos ver quem serão os ‘ 12 vencedores’…lamento!!!

  28. Esta “briguinha de comadres” que agora se inicia, depois da confirmação do Brasil como sede da Copa de 2014 é hilária. Nenhuma cidade do Brasil, hoje, seria capaz de sediar um jogo da Copa,nenhuma! Nem o Rio, com o tal do “Engenhão”, com toda roubalheira do PAN, nem Curitiba, com o Arena da Baixada, nem o Morumbi, nenhuma têm condições! Quanto à região Norte, pelo menos politicamente, Manaus tem mais chances que Belém, uma vez que o governador do estado do Amazonas foi convidado e elogiado pelo presidente da Fifa (Josef Blatter)e é o estado que tem a natureza mais preservada, com 98,4% das suas florestas intactas, faz fronteira com três países andinos, é próximo da América Central e do Norte e o apelo à conservação ambiental seria o diferencial, no “país do futebol” e da injustiça social!

  29. A verdade doi, mas realmente nenhuma candidata a ‘miss`” é perfeita,vejamos o Rio vive uma guerra civil,São paulo e amtro de drogas e desordem,Belém e manaus são sujas e com transporte público deficitario, por isso estão brigando,pois quem for escolhida pela fifa vai ser a menos pior, bélem pelo menos tem um estádio maravilhoso eu ja estive lá e no final das contas eo principal para o futebol,natal é simpática, mas não tem força economica nehuma frente as outras metropoles, assim como joao pessoa,teresina,rio branco, cuiaba, campo grande que niguém sabe que existe e mesmo assim matam muita gente nessas cidades, floriánopolis é linda, mas é poço de prostituição de argentinos,porto alegre as pessoas sao frias e mau quistas, fui la e me trataram com despreso so porque eu era da nordeste,curitiba a arena so e fachada se mecher em algo interno ou externo vai comprar uma briga feia, enfim quem esta se degladiando faça uma reflexão na sua própria cidade e deixe a dos outras em paz! XÔ inveja e o despeito

  30. se depender dos comentários de alagoanos e paraenses, qualquer lugar que tiver praia e praça poderá ser uma sede de copa do mundo.

    sem contar no vocábulo excepcional de ambos. (não todos, apenas os exemplificados aqui nos comments).

  31. é claro e obvio que NATAL – RIO GRANDE DO NORTE é uma das 4 candidatas mais forte da região NE do país para ser escolhida como uma das sedes dos jogos da copa do mundo de 2014. e ao contrario do que diz a Paula Vieira em seu comentario, NATAL hoje cresce como nunca, contando com varios empreendimentos extrangeiros nas suas praias. e ja é visivel sem sombra de duvidas que a cidade do NATAL é uma das forças economicas da região nordeste. no municipio de São Gonçalo do Amarante (Grande Natal) está sendo construido pela iniciativa privada, governo do estado e governo federal com verbas do PAC,o que será o 5 maior Aeroporto de cargas e passageiros do mundo com 3 ZPE (Zonas de processamento de exportações), temos a Via Costeira de Natal onde estão localizado os maiores complexos Hoteleiros de grande porte e luxo do estado e da região, temos o Parque estadual das Dunas com grandiosa area de preservação ambiental da Mata Atlantica (2 maior parque urbano do BRASIL, atrás apenas da floresta da tijuca no RJ), só a cidade do Natal conta com uma frota de mais de 1.000 ônibus para o transporte publico, grandes Complexos viarios com avenidas largas, viadutos, passarelas, temos o 3 maior Centro de convenções do Nordeste e varios outros aspectos que fazem da CAPITAL POTIGUAR uma das favoritas a receber os jogos da COPA Do Mundo de 2014. para ver fotos da cidade do NATAL acesse o meu flog http://www.flogao.com.br/mrvictxinho NATAL 408 Anos de História e conquistas! Natal a cidade do CarNatal, da Barreira do inferno (CLBI), da UnP a primeira Universidade Internacional do Norte e Nordeste e segunda do país… enfim, NATAL é um Presente de Natal!!! tem coisa melhor?!?!? hehehe ;) vlws gente, e boa sorte p/ suas cidades candidatas!

  32. Bom, pessoal, eu aconselharia a alguns “comentaristas” (rs), que procurassem se informar melhor sobre algumas cidades brasileiras. Quem aqui conhece Manaus? Ou o Rio? Eu conheço!Quem já morou, morou bem? Porque eu conheço e gosto muito e não sei porque falam tão mal de lá, não entendo. Diferente do Rio, lá AINDA se anda sem medo nas ruas, tem emprego, oportunidades de trabalho e negócios, a comida é boa, a cultura é diversificada, tem gente de todo o Brasil que sempre é muito bem recebida, gastronomia excelente, frutas deliciosas, água doce, guaraná, sorvetes e sucos tropicais, e um povo, realmente, festeiro e gente boa. Eu nunca conheci um amazonense que fosse “ganhar a vida” em outra cidade. Quando o amazonense sai de Manaus, quando sai, sai na boa, com dinheiro, para estudar, passear, ou morar bem, depois de aposentado. É um povo muito legal, tranquilão. Por isso eu defendo, tanto o Rio, quanto Manaus. Seria despeito? De pessoas que não conhecem nem suas cidades natais e, pior, não podem ou não querem conhecer outras cidades brasileiras e só olham para o próprio umbigo, sujo, aliás. O Rio é lindo, sem comentários. A economia de Manaus e do Amazonas cresce em ritmo acelerado (8 vezes maior que a média nacional),tem o maior pólo industrial da América Latina (450 indústrias), com índice de nacionalização médio de 50%, e algumas “montadoras”, como acontece com a indústria automobilística de SP,RJ,MG,BA, etc…Ou será que o Brasil domina a tecnologia para a fabricação de carros? Manaus tem Teatro de Ópera, Festivais de Folclore, Cinema, Teatro, Dança, Música, Orquestras (Filarmônica, Sinfônica e Popular), redes internacionais de hotéis, porto excelente e aeroporto que será reformado e ampliado, e, ao contrário do que alguns dizem, não depende somente da ZFM, uma vez que tem as florestas intactas, o que é uma reserva de matéria-prima e energia, além de minérios e água, da maior parte da bacia amazônica, que valerá mais que petróleo um dia…Ou será que já vale?!O Amazonas é exemplo em conservação ambiental e desenvolvimento sustentável no Brasil e tem CENTENAS de atrações turísticas: é o maior estado em extensão territorial, tem o Encontro das Águas, o maior rio do mundo, a maior cachoeira (do Pai Nosso), os dois picos mais elevados (da Neblina e 31 de março), a maior bacia hidrográfica, com centenas de rios, lagos e igarapés, limpos, a maior floresta preservada, com milhares de árvores e plantas ornamentais e ervas medicinais, centenas de pássaros e animais, milhares de peixes comestíveis e ornamentais (pesca esportiva e aquarismo), é o estado que mais possui parques, reservas e áreas de proteção ambiental e reservas indígenas, que abrigam a maior população indígena do Brasil. Mas, o mais importante, que pouca gente lembra: tem petróleo (o melhor do Brasil) e muito, muito gás natural, energia, que só o Amazonas e o amazonense tem, inclusive para sediar a Copa e dar um BANHO, de cuia, de cachoeira, de igarapé ou de rio, em quem quiser e puder conhecer Manaus e conhecer um outro Brasil, que pouca brasileiro conhece, mas que os “gringos” e o mundo, estão de olho! Quando vou para o exterior só falam do desmatamento da Amazônia, da violência urbana, do filme “Cidade de Deus” e agora do “Tropa de Elite”, e eu sempre falo do bom exemplo do Amazonas, que lá se respeita a natureza e que ainda existem índios e aí ficam impressionados, admirados. Na verdade,
    todas as cidades candidatas têm as suas chances, qualidades e defeitos. Não é falando mal das outras cidades, mentindo ou difamando, como alguns, infelizmente, insistem em fazer aqui, que a FIFA (e não a CBF), vai escolher as cidades-sede. Não sejamos, pois, infantis de dizer que “o carnaval”, “o samba”, “as praias”, “o vaneirão”, “a água de côco”, “o acarajé”, “a feijoada”, “a garôa”, “o frevo”, “o calypso”, o “encontro-das-águas”, ” o boi de Parintins”, etc, vão convencer os dirigentes da FIFA. Não! Eles não querem comer, dançar, nem pegar sol! É um torneio mundial, que envolve MILHÔES de dólares. É política, economia, interesses comerciais, participação popular e infra-estrutura! O resto é fantasia! Então, boa sorte para as escolhidas: 1.Manaus; 2.Belém; 3.Fortaleza; 4. Recife/Olinda; 5. Salvador; 6.Brasília; 7.Rio de Janeiro; 8. Belo Horizonte; 9. São Paulo; 10. Curitiba e 11. Porto Alegre. Nem 10, como a FIFA quer, nem 12, como a CBF deseja, mas 11. Anotem! E parem de brigar e “exagerar”! hehehe..Abs.

  33. cara sou carioca,,,mais torço por uma cidae do norte,,,que é belem..pois recentemente fui a trabalho a belem e me encantei pela cidade,,,cidade bonita e acolhedora…sem contar no belisimo estadio..um dos melhores do brasil…

  34. belem sem duvida deve ser uma ds escolhidas…sou carioca ,,,mais conheci essa bela cidade a trabalho e me apaixone…alem do mais tem um belo estado…

  35. Caros amigos, acho que a cidade do Natal/RN, tem sim, muitas chances de ser uma das sub-sedes da copa de 2014, vou enumerar alguns detalhes que faz à minha cidade uma forte candidata:

    1) Natal tem hoje 30 mil leitos em hotéis e pousadas, hotéis de primeiríssima linha, no nordeste perdendo apenas para BA.

    2)Natal tem hoje 17 mil lugares nos centros de convenções espalhados pela ciadade.

    3) Natal é a cidades do nordeste que mais recebe investimentos estrangeiros, construção de grandes hotéis, supermercados,restaurantes etc….

    4) Natal recebe mis de 2 milhões de turistas ano

    5) Natal é uma das cidades mais tranquilas do Brasil.

    6) Natal é conhecida como a esquina do continente, aproximadamente 6 a 7horas de Vôo para Europa e África,tornando-se uma cidade com localização estrategica.

    7)Natal tem a 2ª maior floresta urbana do Brasil.

    8) Temos a maior escola de hotelaria do nordeste ( Barreira Roxa), para qualificar as pessoas que trabalham com o turismo do estado.

    9)Natal tem um projeto para construção de um estádio para capacidade 65 mil pessoas, e 9mil vagas para estacionamento, projeto esse firmado com um grupo Português.

    10)Natal tem hoje o aeroporto internacional Augusto Severo com capacidade para 2milhões de passageiros ano,

    11) Natal hoje recebe mais de 20 vôos internacionais; Holanda Itália, Alemanha, Espanha , portugal, Argentina, Suécia, Finlândia etc…. temos experiência em turismo internacional.

    12) Está em construção o novo aeroporto de São Gonçalo do Amarante, que será o maior da (américa latina)que terá capacidade inicial para 5 milhões de passageiros/ano, podendo futuramente atingir 40 milhões de passageiros.

    13)Convênio firmado com o Governo do estado e o governo federal, 500 milhões para serem investidos em saneamento básico na cidade do Natal, outro convênio que foi firmado foi o pró-transporte que possibilitará, a abertura da via metropolitana, ligando varias partes da cidade ao novo aeroporto.

    14) Convênio firmado com a CBTU, governo do estado e o BID, para a instalação do VLT ( Veículo Leve Sobre Trilhos) ligado o centro da cidade – zona norte,zona sul ao novo estádio.

    15) Natal tem hoje uma grande rede hoteleira, os maiores grupos de supermercados estão instalados na cidade, temos excelentes restaurantes de cozinha internacional, temos as praias mais bonitas do nordeste ( OBS despoluidas).

    16) Temos a (barreira do inferno) centro de pesquisas espaciais, não é atoa que Natal é conhecida como a capital espacial do Brasil.

    17) Temos o centro de Neurociências, o primeiro do nordeste, esse centro serve de referência internacional

    18) O Rio Grande do Norte se tornará auto-suficiente em energia elétrica em 2009,com a construção da Termelétrica e dois parques eólicos, o estado passará a vender energia para outros estados vizinhos.

    20) O Rio Grande do Norte é o primeiro maior produtor de petróleo em terra e o segundo em mar.

    Atenciosamente,

    Carlos Junior

  36. o arena da floresta naum e um estadio de joga fora naum e ums dois mais modernos do pais e aqui em rio branco e uam cidade muito boa e bom tem pelomenos um jogo da seleção por respeito aos acrenos q sao esquecidos por causa q e longe do resto do pais mais fica mais perto te um jogo da seleção com o peru ou a bolivia q samos vizinho desses paises o jogo de domingo forão muita gente daqui pro peru assistir o jogo.

  37. Quando o amigo “Julio Lima” que citou “paraenses ladrões e criminosos”, como fator para Belem não ser uma das sedes da copa, incorre em equívoco. O que dizer do Rio de Janeiro onde o crime organizado venceu e pôs o Estado de joelhos? E Brasília que é a capital da Roubalheira? E nem por isso seus habitantes são vistos como “criminosos” e “ladrões”! Julio, você foi de uma mediocridade sem tamanho em suas declarações.

  38. As cidades a serem escolhidas devem ser obviamente São Paulo, Rio de janeiro, Belo Horizonte por serem as 3 de maior importância econômica no pais alem de Salvador, Recife, Belem, Brasília, Porto Alegre,Curitiba, Fortaleza, Goiania e Manaus

  39. Bom dia amigos internautas eu sou de Belem mas vamos ser sinceros aqui no nosso estado nao tem nenhuma condição de sediar uma copa pq? falta infra-estrutura hoteleira, transporte de má qualidade, as ruas são imundas, lembrando que não devemos levar pq somos Paraenses e queremos a copa para o nosso estado não! Conheço Manaus e se for colocar no papel lá é mais adiantado do que aqui, a cidade é bastante desenvolvida em relação a Belem as ruas sào limpas e os hoteis são de ultima geração o que o diga o hotel que me hospedei chamado Tropical Hotel vamos ser realista alem do turismo que é o ponto forte deles!!!
    Arley Martins
    Bélem-PA

  40. Arley Martins seu Amazonense mentiroso!esqueceu de dizer que o vivaldão não serve nem para jogos estaduais!e que o mangueirão de Belém é o quinto melhor estádio do Brasil….não sei pq vcs são assim deixem o povo de Belém em paz!

  41. Na minha opinião, temos estas cidades garantidas, por motivos de tamanho e importância no cenário nacional :

    1) São Paulo (Sudeste)
    2) Rio de Janeiro (Sudeste)
    3) Belo Horizonte (Sudeste)
    4) Brasília (Centro-Oeste)
    5) Salvador (Nordeste)

    6) Porto Alegre (Sul)

    Sobram vagas para mais 3 cidades
    1) Pelo menos uma vai pra região Norte, por motivos políticos óbvios – Acredito em Manaus, mas Belém está no páreo também
    2) A região Nordeste também receberá mais uma cidade pelo menos, com certeza !!! Recife e Fortaleza são as mais fortes, na minha opinião
    3) Acredito também em mais uma vaga para o Sul – Curitiba ou Floripa
    4) Se as vagas não forem preenchidas por essas seis cidades que acabei de citar, Cuiabá e Campinas (sim, pasmem, Campinas !!!) são as mais fortes por motivos políticos. Cuiabar por representar o Centro-Oeste e o Pantanal e Campinas porque a força de São Paulo é tão grande que essa seria uma “segunda sede” de São Paulo.

    Bom, isso é só minha opinião, posso estar errado como qualquer um aqui também pode.

  42. Vejo varios comentarios de quais cidades deveriam ser sedes para a copa de 2014.Ha muitos absurdos.Muitas cidedes nao tem a minima condicao, e achar que vai ser escolhida so por ter”lindos olhos verdes”e acreditar em papai noel.Claro que ira pesar a força politica e ECONOMICA.Incluive vi um comentario surpreso por Campinas esta incluida.Surpreso por que?Economicamente a cidade tem mais condiçoes que muitas outras ou voces tem duvidas?

  43. só queria mudar a sede da italia .
    pois são paulo tem mais italianos e bhte tem a fiat. então a italia deveria jogar nestes estados.

  44. sou acreano e relaçao a cidades sedes acredito quem leva a vaga da regiao norte vai ser o acre. motivo pq tem o lado de fronteiras com os paises da americas do sul que fika bem melhor situado para eles se locomover sem passar pelo trastornos de longas viagem e tbem pq hj temos uns do mais belos estadio de futebol do pais mais mordeno e aplo estacionamento sem contar com as paisagem natural belissimas que temos, nois nao temos nenhum tipo de violencia tanto no estadio quanto fora se comparamos os estadio daki com o vilvadao e o mangueirao ja ganhamos essa pq o arena da floresta ta maravilhoso e vai ser apliando paras 60.000 torcedores.
    BOM E TEMOS DE CONDIÇAO E INFRAESTRURURA ESTAMO BEM NA FRENTE AGORA E TRADIÇAO NO FUTEBOL ESTAMOS BEM ATRASADO PQ SO AGORA A POKO ANOS ATRAIS QUE FOMOS TER UM ESTADIO DIGNO.
    po isso eu digo estamos com grande chance no pareo sem contar com a influencia politica que o governador tem sobre o presidente. em fim vamos ver o que vai da boa sorte a todas as demais..

  45. eu concordo com vc mas acho q o estadio serra dourada tem grande chance de sediar jogos da copa se a mesma for aqui no brasil!

  46. VAMOS LÁ!!! A AMAZÔNIA VAI SER SEDE DA COPA DO MUNDO COM CERTEZA. O BRASIL PRECISA SE CONHECER E ESTA COPA DE CERTA FORMA IRÁ APROXIMAR MAIS O “BRASIL DO BRASIL”.TEMOS QUE PARAR COM ESSE BAIRRISMO INUTIL QUE SÓ NOS ATRASA, SERMOS MAIS UNIDOS.CLARO QUE POR ORIGEM EU TORÇO DE CORAÇÃO PARA MANAUS E RIO BRANCO, MAS NÃO FICARIA NEM UM POUCO DECEPCIONADO SE ESCOLHEREM BELÉM. AFINAL A REGIÃO NORTE,PRECISA E VAI SER ESCOLHIDA POR MOTIVOS TÃO OBVIOS, QUE INFELIZMENTE SÓ OS GRINGOS ADMIRAM ALIÁS ELES SIM CONHECEM O BRASIL POIS SÃO MAIS ESPERTOS E INTELIGENTES DO QUE MUITOS BRASILEIROS E É MUITO TRISTE QUE NOS ESTADOS UNIDOS ELES ESTUDAM A AMAZÔNIA COMO NÃO SENDO DO BRASIL E SIM DO PLANETA… FALANDO DE INFRAESTRUTURA MANAUS E BELÉM TRAVAM UM DUELO INTERESSANTE. AGORA SE TRATANDO DE ESTÁDIOS O ARENA DA FLORESTA TEM UM POTENCIAL MUITO GRANDE, BOA LOCALIZAÇÃO.JÁ MANAUS COM O VIVALDO LIMA PRECISA MELHORAR SUAS INSTALAÇÕES.AGORA BELÉM COM O MANGUEIRÃO TEM UM MODERNO ESTÁDIO … RESUMINDO OS TRÊS SÃO BELOS E ACONCHEGANTES PRECISANDO DE PEQUENOS REPAROS. ACREDITO QUE N REGIÃO ESTA DISPUTA SERÁ UMA DAS MAIS ACIRRADAS DO BRASIL.

  47. A copa de 2014 sera realizada no brasil e o maranhão não fara parte desse evento? a minha pergunta é só essa me respondem porque o brasil exclui o maranhão do seu mapa?

  48. Amigos, na hora de escolha de uma sede de copa o que é levado em questão não é só se a cidade tem arvores, lugares bonito, um monte de hoteis e restaurantes, e se a cidade ja recebe muitos turista no ano, primeira coisa a cidade tem que ter grana para fazer os investimentos, pois nenhuma das candidatas esta apta no momento, outra coisa e a questão de logistica, algumas candidatas e de dificil acesso, receber milhares de pessoa no ano para molhar a bunda na praia é uma coisa, ter culhões para receber uma extrutura de copa é outra, se Manaus tem condições que seja Manuas, se o Rio não tem condições deixe ele fora, temos que olhar pelo lado real da coisa e não ficar puxando o saco da cidade onde moramos, a copa vai ser no Brasil é oque importa

  49. não gosto de falar da cidade de nínguem porque isso é ridicolo cabe a cada um analizar e comentar a situaçao de sua cidade torço muito que salvador fique e acho que ela tem muitas chances de ser sede, temos sim problemas como todas tem mais alguem mim diga entre as 10 ou 12 quem deixaria salvador de fora.

  50. Sou partidário do objetivo do negócio. É um importante torneio de futebol e não férias de verão! É importante avaliar CRITERIOSAMENTE cada município seja capital ou não para abrigar tal evento.

    Abraço a todos,
    Carlos

  51. No caso de haver 12 sub-sedes, Campo Grande tem muito mais condições de receber um evento desta proporção do que Cuiabá! Campo Grande é maior, tem infra-estrutura excelente, com Avenidas Largas e pouco movimentadas,muito bem planejada.

    A localização do Estádio é muito boa, de fácil acesso, localizado entre o Aeroporto, (que está sendo ampliado) , Centro (que esta sendo revitalizado) e nova Rodoviária (que está sendo construída) e há espaço para estacionamento de sobra. Sem contar que Campo Grande é rota para as principais cidades turísticas do Pantanal, como Corumbá e também Bonito. A cidade está recebendo muitos novos empreendimentos e, por último, imagino o tanto de estrangeiro sofrendo com o calor de 40 graus do meio do ano de Cuiabá!

  52. Sou Paraense! Amu Belém , Fico triste em ver Manaus e Belém em pé de Guerra, pois se as 2 cidades fossem escolhidas seria muito bom para a Amazônia….
    Acho q Belém tem grandes chances pq, temos um Estádio Maravilhoso! uma cultura muito Rica , um Ritmo muito bom (Carimbó, tecno , melody) e nossa culinária é uma das melhores do Brasil…
    júnior (Belém Sorte na Disputa)

  53. Bem, Manaus pode ganhar de Belém porque nós temos um governador muito influente no mundo,ele é amigo do governador da Califórnia, e ele como tem jeito de defensor da natureza deve receber esse “agrado” da FIFA.Belém é muito suja,sem muito saneamento, e os turistas não iam querer ficar numa cidade como essa, não é nem porque tem essa rivalidade aqui entre elas,mas eu estou torcendo para que Manaus ganhe de Belém,mesmo em último lugar,mas tenha essa oprtunidade de realizar uma bela copa.

  54. AOS AMAZONENSES :

    NÓS PARAENSES NÃO ENTENDEMOS TANTA REVOLTA E ÓDIO PELO NOSSO POVO, FICAMOS TRISTE QUANDO LEMOS ALGUMAS DECLARAÇÕES, O POVO PARAENSE É MUITO AMIGO MAS NÃO É IDIOTA, VCS SABIAM (AO BRASIL TODO) QUE 95% DO POVO PARAENSE DESCONHECE ESSE ÓDIO DO POVO DE MANAUS PELO PARÁ, O SENTIMENTO QUE O PARAENSE TEM EM RELAÇÃO A ELES É DE PENA POR SE ENCONTRAREM TÃO “ISOLADOS” DO BRASIL. QUE A COPA SEJA EM MANAUS !! , PARA NÓS PARAENSES SERIA UMA FORMA DE UNIR MANAUS AO RESTO DO MUNDO.

  55. Bom dia a todos!

    Acabo de ler um comentário, de um “comentarista”, mas em outro blogue, “afirmando” que a cidade de “Manaus, no Amazonas, está cantando vitória como sede” e isso não é verdade. De forma alguma! É um comentário infeliz e maldoso, que demonstra um ressentimento gratuito de alguém muito mal informado e totalmente ignorante. Não bastasse isto, ainda “rasga elogios” à candidatura de Curitiba, como se o “sul-maravilha”, de fato, existisse. Os amazonenses não são assim. São humildes, até demais, mas altivos, quando necessário. Os amazonenses e seus representantes no executivo municipal e estadual, desde que o Brasil foi anunciado como Sede da Copa do Mundo 2014 tem TRABALHADO incansavelmente e se esforçado para cumprir todas as exigências da FIFA para que a cidade mereça esta honra, que tem todo o direito. Os amazonenses estão trabalhando, e não FALANDO MAL dos “outros”. Não estão disputando nem com Belém, nem com Rio Branco, nem com ninguém, mas consigo mesmos. A despeito de seus problemas, inerentes a qualquer metrópole, os amazonenses e manauaras tem um excelente projeto para sediar os jogos, “moral” na defesa do meio ambiente, 450 indústrias no Pólo Industrial, nacionais e internacionais, inclusive uma das patrocinadoras da Copa – a SONY – que empregam milhares de migrantes, de todo país, que vem para a cidade em busca de melhores condições de vida. Manaus é uma cidade próspera, tem um povo generoso, que recebe todo mundo “do bem” da melhor forma possível. Manaus tem excelente renda per capita e PIB municipal, baixos índices de criminalidade, ampla rede de hotéis e uma natureza preservada em 98,4%. Os amazonenses, os empresários, os políticos, todos querem, sim, ser uma das sedes e estão otimistas e trabalhando para isso! Acreditam que precisam desenvolver o futebol local e aproveitar, a posteriori, a infra-estrutura esportiva e a publicidade gerada pela Copa, que, indubitavelmente, incrementará o Turismo local e gerará mais emprego e renda. Que venha a Copa! Se Manaus for escolhida como uma das sub-Sedes não será surpresa para nenhum amazonense, porque lá TODOS estão trabalhando e torçendo para que isto aconteça. O que assegurará a candidatura de uma cidade é o cumprimento das exigências do “Caderno de Encargos”. Manaus cumpriu TODAS, por enquanto. A escolha é da FIFA. E ponto final. Abraços a todos. E como diz um adesivo que li num fusquinha todo lascado aqui em Manaus: “Não me inveje, trabalhe!” hahahaha…

  56. NOVIDADES SOBRE MANAUS 2014 (Se mordam!!! hehehe…)

    Um novo Vivaldão vem por aí

    Se Manaus for escolhida como sede da Copa do Mundo de 2014, o estádio Vival do Lima dará lugar a uma nova arena com infra-estrutura ecológica, de acordo com o governo do estado;

    Esta decisão foi anunciada em 15 de janeiro de 2009, em entrevista coletiva da comitiva estadual pró-Copa 2014 e Caderno de Encargos, entregue nesta data à FIFA;

    O novo complexo será ecologicamente correto e dentro dos padrões da Fifa, com capacidade para 46 mil pessoas e foi elaborado pela empresa alemã GMP e a brasileiro Kango;

    A carboneutralização (a redução dos impactos ao meio ambiente, causados pelas emissões de carbono) é a principal característica no novo Vivaldo Lima;

    A arquitetura do novo complexo esportivo (que pouca gente sabe, já que tem construídos Vila Olímpica, Ginásio Poliesportivo e o maior “sambódromo” do Brasil) será voltada para itens como a coleta de água, ventilação natural, formas de reduzir o consumo de energia elétrica e plantio de árvores no entorno, criando um novo e aprazível parque de lazer;

    O formato do novo estádio tem referência regional (amazônica) e lembra um cesto de palha (artesanato indígena), a vitória régia (flora) e a escamas de cobras (fauna): muito original, regional, muito amazônico!!!;

    O visitante, mesmo na parte exterior, terá uma visão do que ocorre dentro do estádio, como se fosse um espécie de aquário. O estádio terá também duas rampas principais;

    O máximo de tecnologia nacional será utilizada e será aplicada por técnicos especialistas ativos na construção de mais de 25 estádios, inclusive da última Copa do Mundo (Alemanha, em 2006) e da África do Sul (em 20010). Após a competição, o local poderá ser utilizado para outros eventos porque poderá ser fechada a cobertura em dias de chuva e poderá servir de palco para grandes shows internacionais;

    O tema da logomarca da campanha é: “Manaus – A Copa da Amazônia”. As cores (verde, amarelo e azul) representam a bandeira do Brasil e as folhas, em volta da bola, a regionalização;

    Na coletiva, foi entregue, por escrito, os compromissos assumidos pelo governo estadual e municipal de isentar, por exemplo, as empresas parceiras. Ao todo, o investimento deverá ser de R$ 6 bilhões;
    Dentre os projetos de melhorias na infra-estrutura, apresentado pela empresa Deloitte responsável pela gestão e consultoria de Manaus, estão três opções: ônibus urbano leve, metrô e trem urbano leve. “O que queremos fazer é um sistema definitivo, não de remendo”, afirmou o governador. Ele aida destacou a possibilidade de construção de um novo aeroporto, caso Manaus seja escolhida;

    O governador Eduardo Braga confirmou ter contrato assinado com a Sony, patrocinadora oficial da Copa no Brasil. Ela será a responsável pela a implantação do sistema de som. Braga também reforçou tentativa de acordo com WWF e o Greenpeace, que já apóiam a cidade, informalmente.

    Os brazucas não estão nem aí, mas os gringos “querem” Manaus! Fazer o quê?! hehehe…

  57. Em relação as cidades, CALMA, CALMA, não sou eu e nem você quem vai mudar o q vai acontecer, agora em relação aos manauaras falarem dos paraenses, não entendi.
    Porque que chamam paraense de ladrão e os melhores empregos em Manaus são os paraenses que ocupam?? Será que é pq o Paraense é mais inteligente? Qual é a culinária do Amazonas, ahh não tem né, Qual é o rítimo do Amazonas?? boi? mentira,apesar de que em Parintins ser mais bonito mas o boi é do Maranhão. Falam da rede hoteleira de Manaus, só por causa do Tropical??? humm, aguardem o q Belem da aprontando. Em Manaus tem BR??? não né, tem rio e céu, Belem tem rio, ceu e A BELEM-BRASILIA A BRRRRRRRRRRRR, como é mesmo o aeroporto de Manaus???? hummm lembrei, feioooo, pequenoo, o aeroporto de belem é referencia em Aeroporto, Amazonas tem praia?? Será aquele rio preto, a ponta negra??? Praia sem onda, sem sal, sem morros? nunca vi. ahh as belas praias do Pará. Voces tem o teatro Amazonas né, nós temos o Da Paz, alem da nossa cultura ser própria, enquanto voces não tem nem o q falar de cultura né, Ahh, não esqueça, BELEM É A CAPITAL DA AMAZONIA, PORTAL DA AMAZONIA, porque será que Manaus não sediou o Forum Social Mundial hemm??? MAS COM TUDO ISSO TOMARA QUE DEEM UMA CHANCE PRA MANAUS, PARA QUE NOSSA IRMANZINHA TENHA PELO MENOS UMA VEZ NA VIDA UMA ALEGRIA hehehe

  58. Seria muito interessante se João Pessoa fosse cidade-sede, porque é uma cidade muito limpa, muito arborizada e tem um clima muito agradável, diferente de Fortaleza ou Recife. Mas já foi eliminada na pré-seleção, o que me intrigou foi que as autoridades do Estado disseram que HOJE a Paraíba não teria capacidade de sediar uma Copa, mas a Copa não é HOJE, é em 2014. Dá pra fazer muita melhoria, adequar o velho Almeidão…enfim, eu acho que foi falta de vontade do governador(que só faz lascar João PEssoa, querendo trazer o mar para Campina Grande, para que a mesma se torne Capital) e do secretário de Esportes .

  59. Paulo Cezar… Tu bebeste, cara?
    huhauhauhauha

    1. Os melhores “empregos” estão com os paraenses? Que tipo de empregos? Aqueles que os amazonenses não querem? Ah, sim! O amazonense é “patrão”! Aí estás certo. Eu tinha me esquecido…

    2. Voces têm “culinária”, nós gastronomia(olha o nível). A nossa gastronomia é baseada em NOSSOS peixes, deliciosos e não no camarão que vocês “importam” do Maranhão… Temos frutas tropicais e exóticas, além de especiarias da nossa floresta PRESERVADA e não desmatada como a de vocês. Nós temos gastronomia, CUlinária… uma “dilícia”…

    3. O ritmo do Amazonas é toada de qualidade, que fala das nossas lendas e da nossa cultura e ÒPERA, para os mais sofisticados. De vocês é o que? O calypso? hahaha! Parabéns!

    4. Para que BR? Para desmatarem nossas florestas como vocês fizeram? Atrair pistoleiro, explorar trabalhadores pobres e escravizá-los? Não queremos! Ou é navio ou avião. Já temos ligação com o Caribe, para que ter com o resto?
    Se a cidade já está começando a ficar violenta, imaginem se abrirem estrada…

    5. O aeroporto de Manaus tem a maior pista do Brasil, vai ser ampliado e reformado e claro, vai ficar mais moderno que o de Belém, porque vai ser reformado por último e quem ri por último… Aguarde…

    6. O aeroporto não é pequeno, nem feio. Precisa de reformas, mas ninguém é assaltado dentro dele, está? E é o que mais recebe turistas estrangeiros da região e o quarto do país. É o segundo em Cargas, depois de São Paulo, sabias?

    7. Praia? Temos sim. Onde as famílias vão e se divertem com banhos no rio Negro, que é limpo. Não tem ninguém bêbado e nem com SOM no último volume, claro, a não ser que apareça “mais” um “bairrista” de fora… Entendeste?

    8. O rio não é preto, é o rio Negro, o maior do mundo de água escura e LIMPA. É negro por causa da alcalinidade, que repele, naturalmente, insetos e quiça repelisse gente que faz estes comentários ressentidos. O rio Negro é lindo, limpo, e um orgulho dos amazonenses!

    9. Queres comparar o Teatro Amazonas, “Amazonas Opera” com o teatro (com mínúscula, mesmo) da Paz? Estás brincando, não é? “Viajaste na maionese”. Não há comparação!

    10. Belém não pode ser capital da Amazônia porque esta é um bioma, não é um Estado da Federação. Portanto, a Amazônia não tem capital nem poderia ter. Agora dizes, ainda que Belém é o Portal de Entrada? É? hahaha… Então nós SOMOS A SAÍDA! HUHUHAUHAUHAUHA… Sem comentários, rapá!

    11. O que mais? Ah… Sediar um FORUM SOCIAL? Bom, se tivéssemos sediado, com certeza, seria bem melhor… Mais organizado… Não veríamos a vergonha que foi… Gente dormindo em barracas na rua, comendo na calçada, sem informações, uma bagunça total.

    12. Sobre sermos “irmãs” isso não é verdade e entendi a ironia. Não somos nem parentes, nem de longe. Somos irmãs de Boa Vista, Porto Velho e Rio Branco, cidades que temos ligações históricas, culturais, políticas e sociais. Com Belém, nunca tivemos e por CULPA de vocês que morrem de inveja da gente e COM RAZÃO, admito.

    Tudo isso não tem nada a ver, ABSOLUTAMENTE NADA A VER com o tema deste blog, bem intencionado e que esperaria comentários mais relevantes, pertinentes e educados.

    Sei que este sr. PAULO CEZAR, não representa o povo do Pará, embora parte, minoritária de sua população.

    Em Manaus vivem (e bem) mais de 350 mil paraenses que trocaram Belém por Manaus, em busca de melhores condições de vida e serão muito beneficiados se Manaus for escolhida como sede.

    Inveja, ressentimento e INJÙRIA não vão fazer que Belém seja também escolhida, mas trabalho, respeito e um bom projeto.

    Esqueçam Manaus. Trabalhem. Quem sabe há lugar para as duas?

    Relaxa, vai tomar (ôpa) um tacacá, uma serpa, um picolé de açaí. Ou sei lá.

    Escolham uma cidade grande e importante para adversário, como nós escolhemos São Paulo ou qualquer uma que queira nos impedir de exercer a nossa cidadania e ou de nos desenvolvermos.

    Até o governador JOSÉ SERRA está apoiando a nossa candidatura! Tenha paciência.

    Como dizem os cariocas: nos errem!

    Fui!

  60. A IMPORTÂNCIA DE UMA CIDADE-SEDE PARA O DESENVOLVIMENTO DA ABSOLUTA MAIORIA DA POPULAÇÃO DE UMA REGIÃO.
    A Cidade de Belém do Pará como Sub-Sede da Copa de 2014 na amazônia brasileira, sem dúvida que trará também os favorecimentos para os habitantes dos municípios dos estados do Maranhão, Amapá, Piauí e Tocantins, porque o acesso entre essas cidades é facilitado por deslocamentos via terrestre, fluvial e aérea e pelo fato desses municípios se encontrarem em áreas adjacentes de acesso fácil sem obstáculos ou impedimentos e ainda por não estarem tão distantes de Belém do Pará.
    A cidade de Belém como sub-sede beneficiará direta e indiretamente outras capitais e municípios pelo Brasil cuja a população não tem tanto obstáculos ou empecilhos para se deslocarem pela região devido as meios de acessibilidade.
    Penso que a Sub-Sede de de uma Copa do Mundo não pode ficar isolada e nem deve ficar restrita privilegiando apenas o estado ou a cidade-sede, pois os benefícios do evento tem que ser estendidos ou ampliados para que seja certo alcançar a participação da população de outros municípios brasileiros que estejam próximos da cidade-sede e tudo isso é para que a maioria absoluta dos habitantes da região possam ter garantias da consideração de fazer lograr a parte dos favores do evento.
    Com referência aos estádios é preciso levar em conta as condições para utilização dos mesmos não apenas por ocasião do evento mas também depois que terminar, para que não venham a ocorrer de se transformarem em verdadeiros “Elefantes Brancos” sem finalidade de utilização e cuidados, sem manutenção e abandonados. É preciso levar em consideração também o apelo popular a paixão do povo pelo futebol assim como a frequência do público nos estádios. Os estádios não podem ser construídos apenas para o evento e depois deixados de lado a míngua. É necessário que sejam justifificados os projetos de grande custo para que os estádios não fiquem desprezados. Penso que cidades cuja a preferência popular pelo futebol devam ser levadas em consideração.
    O dinheiro público ou privado não pode ser usado de forma desiquilibrada não pode ser gasto desordenadamente nem desperdisado de forma irresponsável ou jogado fora. As estruturas de um projeto tem que ficar para serem utilizados permanentemente pelo povo e para isso é necessário que seja feito um planejamento para ficar servindo ao povo.

    A cidade de Belém já tem um estádio apto e pronto faltando pouco para se adaptar as exigências da FIFA.
    A cidade de Belém haje de modo responsável quando realiza planejamento objetivando se organizar para ser Cidade-Sede da Copa de 2014.
    Com o advento da sub-sede para Belém certamente o municipalismo dos estados vizinhos do Pará farão as melhorias necessarias em seus municípios visando tirar proveito do evento e desse modo prestar serviços para ajudar na vida da população.
    Penso que Belém seja dessas cidades brasileiras capaz de oferecer a outros municípes não apenas do estado do Pará mas também de outros estados brasileiros as condições de melhoramentos que o evento propiciará.

  61. Creio que 10 sedes pela estrutura e/ou tradição futebolistica com times nas primeiras e segundas divisões (Ranking de Clubes e das Federações da CBF) e 2 sedes pré-definidas ( Amazonia e Pantanal ) teremos as seguintes:
    1 – Rio de Janeiro
    2 – São Paulo
    3 – Belo Horizonte

    4 – Porto Alegre
    5 – Curitiba
    6 – Salvador
    7 – Goiânia
    8 – Recife
    9 – Fortaleza
    10 – Brasília

    11 – Amazônia : Manaus

    12 – Pantanal : Campo Grande

Vai comentar ou ficar apenas olhando?

Campos com * são obrigatórios. Relaxe: não vou montar um mailing com seus dados para vender na Praça da República.


*