Mais de 300 mil blogs brazucas, diz Estadão

Pode ser uma moda passageira. Ou algo que vai contra a maré, afinal, para que adianta tanta gente escrevendo se o número de leitores é o mesmo? Tem aqueles que apostam neste formato como algo inovador e que, bem usado, pode transformar a web. Sem falar nos Narazakis da vida, que insistem em chamar os blogs de “querido diário”.

Não que todos estejam errados, longe disso. O fato é que a coisa está crescendo – sem maldade, evidente. Matéria publicada no Estado de S. Paulo neste domingo estima que 300 mil brasileiros possuem o seu “diário” na rede. Seja um diário ou não, todos trazem motivos para manter o seu. Só falta o próprio Narazaki, o DilmarX, o Tio Tebas, entre outros personagens, criarem um.

Aliás, a estimativa levantada pelo Estadão é a única novidade. Todo o resto não passa de uma bela “cozinhada” no tema. Inclusive com uma constatação surpreendente: “os blogs já extrapolaram tanto a sua função inicial quanto o público-alvo esperado”. Por que não falamos mais sobre esse gancho, então?

O tema, como sempre, será explorado outras vezes por aqui. Antes, porém, uma novidade: ele está de volta, agora com um fotolog!

André Marmota é professor universitário e ouvinte frequente da pergunta “mas e além disso, você também trabalha?”. Quer saber mais?

Leia outros posts em Bloguiado. Permalink

Comentários em blogs: ainda existem? (1)

Vai comentar ou ficar apenas olhando?

Campos com * são obrigatórios. Relaxe: não vou montar um mailing com seus dados para vender na Praça da República.


*