Faça você mesmo a sua história em quadrinhos!

Minha total descoordenação motora fez com que eu jamais aprendesse direito qualquer esporte, mas isso nunca me chateou. No entanto, o mesmo problema trouxe uma grande frustração: nunca aprendi a desenhar. Nem casinha. Ficava deslumbrado com as tiras do Recruta Zero, do Chico Bento, do Dilbert, do “Minduim” Charlie Brown… Nem mesmo quando descobri a existência dos pescoçudos, ou seja, qualquer um poderia fazer quadrinhos, não tive coragem.

Felizmente eu leio o Pulso Único. Eu e tantos outros que conheceram, graças a ele, o Red Meat Construction Set. O sistema se baseia nas cruéis tirinhas online do norte-americano Max Cannon – ou você tem outra definição para uma série de historinhas com o nome “carne vermelha”? Enfim, usando os mesmos personagens, é possível compor qualquer situação que vier na sua cabeça.

Para brincar também, clique aqui e mãos à obra. Escolha um título, dois personagens e escreva os diálogos. É possível voltar e modificar qualquer um dos itens antes de salvar a historinha.

Tanto o Eduardo Stuart, do Pulso Único, quanto o Eduardo Carvalho, do Faz Sentido, já puderam a mão na massa. Mas você não precisa se chamar Eduardo, nem mesmo ser chamado de Marmota: faça fazendo a sua tirinha, e realize o seu sonho de infância!

André Marmota adora usar a função “rand” do PHP, combinada com um array repleto de frases diferentes. Paaaaarabéns! Quer saber mais?

Leia outros posts em Faça fazendo. Permalink

Comentários em blogs: ainda existem? (2)

Vai comentar ou ficar apenas olhando?

Campos com * são obrigatórios. Relaxe: não vou montar um mailing com seus dados para vender na Praça da República.


*