É proibido morrer. Sujeito à multa.

Definitivamente, a gente morre e não vê tudo. Dá para imaginar algum cururu, escolhido pelo povo para ocupar um cargo executivo, proíba os habitantes de sua cidade a não morrer?

Pois na falta de um, aqui vão dois. Em Minas Novas, no Vale do Jequitinhonha (MG), o prefeito Murilo Badaró pediu à população para não inaugurar o novo cemitério, que fica a 5km da cidade. Segundo ele, a distância pode inibir os familiares, que tradicionalmente cortejam seus entes queridos até sua última morada à pé. Além disso, o antigo cemitério já está com a lotação esgotada. Como diria Falcão: você também podia marcar outra hora, outro canto, outra data pra poder se enterrar!

Mas Roberto Pereira da Silva, prefeito de Biritiba Mirim, interior de São Paulo. foi além: apresentou o pedido em forma de projeto de lei à Câmara dos Vereadores. Isso porque a legislação proíbe a construção de um novo cemitério, já que a cidade está encrustada em uma área de proteção ambiental.

A idéia era simplesmente protestar; acabou, no entanto, gerando chacota e levando o nome da pacata Biritiba para todo o país, via TV Globo. Ora, diz a lei que, caso os infratores (isto é, os presuntos) não a cumpram, deverão ser punidos e responder por seus atos… Francamente! Era mais negócio revogar a lei da relatividade: quem sabe a gente não ganha tempo pra fazer tudo que deve ser feito antes do ano acabar.

E uma observação que nada tem a ver com a história acima: eu prefiro morrer a trocar minha companheira por uma meretriz famosa e ver essa história debatida em rede nacional pela Luciana Gimenez.

André Marmota acredita em um futuro com blogs atualizados, livros impressos, videolocadoras, amores sinceros, entre outros anacronismos. Quer saber mais?

Leia outros posts em Plantão Marmota. Permalink

Comentários em blogs: ainda existem? (4)

  1. Até me parece o Bem Amado ao contrário… Enquanto Odorico Paraguassu esperava que alguém morresse pra inaugurar o novo cemitério da cidade, esse aí tá proibindo o povo de morrer por não ter onde enterrar.

    É Brasil…

  2. noooooossa!!!!!
    judiou heim!
    fala seeeeeeeerio, caraca, essa agora da luciana gimenes foi o “o” do “borogodó”. eu hein quero morrer amiga de voces!!!
    rsrsrsrsrsrsrs…

  3. Essa do prefeito que pede pro povo não inaugurar o cemitério novo é coisa do outro mundo, ele deve ter sociedade com o além, já que quanto mais a gente vive, mais a gente peca, por isso, essa protelação de morte é coisa do tinhoso.
    Acho que esse tál Prefeito de Minas Novas é aquele que foi senador, ministro e o diabo a quatro. Por que tipo de gente somos comandados e que idéias. Perá ai, minha mulher falou que o tal Badaró é da academia mineira de letras. Condolências, mineirada.

Vai comentar ou ficar apenas olhando?

Campos com * são obrigatórios. Relaxe: não vou montar um mailing com seus dados para vender na Praça da República.


*