Coloque um “botão vuvuzela” em seu blog!

Esses dias o Pedrox nos apresentou este site, onde qualquer URL acaba “invadida” por um sul-africano ensurdecedor. Em pouco tempo, lógico, virou sucesso: hoje o torcedor maroto aparece ao lado de um banner mais matreiro ainda. Sinal que o som da vuvuzela, por mais irritante que pareça, virou meme na rede.

Outra demonstração de “vuvuzelada globalizada” foi dada pelo YouTube. Já repararam que boa parte de seus vídeos possui uma bolinha de futebol como opção? É a “tecla vuvuzela”: experimente assistir a qualquer vídeo tendo como áudio de fundo o zumbido irritante das cornetas. Muitos perguntaram “por quê diabos o pessoal do Google fez isso”. De repente estes dias de abstinência, sem partidas na TV, pode representar saudades não apenas da Jabulani, mas também da vuvuzela.

Pensando nestes órfãos, decidi bolar um “botão vuvuzela” bem simples e adaptável a qualquer site ou blog que desejar compartilhar aos seus visitantes o mesmo efeito de um estádio da Copa. Clique uma vez no ícone e aguçe sua audição. Clique novamente para interromper o som.

[HTML1]

Optei por usar um ícone que, mesmo escondido num post antigo do blog, fez algum barulho no Twitter, usado como bandeira para quem não aguenta mais a buzina.

Quer reproduzir o “botão vuvuzela” no seu blog? É bem fácil. Clique com o botão direito aqui e salve o arquivo .swf em seu computador. Suba-o como se fosse uma imagem e, com tudo em ordem, cole o código a seguir no lugar onde você deseja exibi-lo:

[HTML2]

Atenção para os detalhes do código em vermelho: ajuste a largura e a altura (como o ícone é quadrado, os valores são os mesmos), além do caminho exato do arquivo. Repare que é preciso ajustar duas vezes.

Se desejar, coloque o endereço do seu site “vuvuzelado” aqui nos comentários, pra gente ver como ficou!

***

Ainda sobre o tema, temos que tirar o chapéu para os espanhóis: se na bola a Fúria costuma pipocar, em matéria de infográficos eles são campeões mundiais. Reproduzo abaixo o divertidíssimo “manual da Vuvuzela” do Marca, além do gráfico explicativo elaborado pelo La Informacion – onde também dá para “provar” a vuvuzela.

André Marmota tem uma incrível habilidade: transforma-se de “homem de todas as vidas” a “uma lembrancinha aí” em poucas semanas. Quer saber mais?

Leia outros posts em Marmota na Copa. Permalink

Comentários em blogs: ainda existem? (1)

Vai comentar ou ficar apenas olhando?

Campos com * são obrigatórios. Relaxe: não vou montar um mailing com seus dados para vender na Praça da República.


*