Amarelinha Xtreme

Serra Negra (SP) – Vida de jornalista é dose. Em 2002, eu e uma porção de amigos fizemos um inesquecível bate-volta em Bertioga. Foi uma daquelas tardes inesquecíveis, onde além dos castelinhos de areia, a trupe circense rolou na areia com a minha performática piada infame do Homem Galinha Gato. Mas o grande destaque ficou por conta do I Campeonato Mundial de Amarelinha Xtreme. Laura Prado, criadora do esporte e principal articuladora da competição, descreveu brilhantemente as regras desse incrível esporte.

1º Da quadra

Desenhe a amarelinha nas areias de sua preferência. Os quadrados devem ter pelo menos 40cm de lado, o que assegura um péssimo salto para quem tem que pular mais de uma casinha e uma distância maior para quem deve pegar a pedra em um pé só. A pedra deve ter dimensões menores que a cabeça do menor dos participantes.

2º Das regras

Nada de mãos no chão;
Nada de pular alternando os pés;
Nada de levantar um pé depois o outro, como faz o Lello;
Se a pedra cair fora do quadrado, já era;
Se a pedra cair na linha, já era;
Se a pedra cair na cabeça de um amigo, o amigo já era;
Se pisar no inferno, você morre. Mas não literalmente.

3º Dos obstáculos

A Amarelinha Xtreme deve ser jogada num local onde um bando de moleques pretenda jogar futebol. Um deles, vestindo um calção amarelo (para o toque de ironia), deve correr pela frente do jogador que está pulando. Bolas de futebol também aparecerão, assim como minhoquinhas do estilo “Pitfall!”, que atravessarão seu caminho como se você fosse o Frogger.

4º Dos vencedores

Ganha aquele que chegar ao número 10 sem errar, e voltar.

Ainda hoje, o campeão mundial de Amarelinha Xtreme é Lello Lopes, que com sua técnica denominada “virada brambles”, conseguiu boa pontuação durante as finais em Bertioga. Os juízes da Alemanha Oriental deram nota 9.8, enquanto a França premiou o atleta com um perfeito 10.

O II Campeonato Mundial de Amarelinha Xtreme, independente das condições climáticas, está marcado para este sábado, justamente em uma data onde a maioria dos competidores finalmente puderam folgar simultaneamente (não disse que era dose?).

André Marmota tem uma incrível habilidade: transforma-se de “homem de todas as vidas” a “uma lembrancinha aí” em poucas semanas. Quer saber mais?

Leia outros posts em Faça fazendo. Permalink

Comentários em blogs: ainda existem? (2)

  1. Tudo bem, tudo bem, por favor me lembre de perguntar da piada do Homem Galinha Gato da próxima vez que eu te encontrar totalmente por acaso em algum lugar, hehehehe!

Vai comentar ou ficar apenas olhando?

Campos com * são obrigatórios. Relaxe: não vou montar um mailing com seus dados para vender na Praça da República.


*